Saiba quais são as melhores técnicas e abordagens de venda


Saiba quais são as melhores técnicas e abordagens de venda

Uma atitude errada ou abordagem mal realizada pode resultar na perda de um cliente. Isso porque muitos vendedores, principalmente os novatos, querem mostrar resultado e, no ímpeto de realizar uma venda, acabam assustando o público com posturas invasivas.

Por isso, é muito importante manter o time atualizado, sempre revisando e implementando novas formas de aproximação e técnicas de venda em sua loja.

Com simples mudanças de comportamento e a elaboração de algumas estratégias, é possível aumentar os resultados do negócio de maneira considerável. Contudo, é importante ressaltar que não basta apenas conhecer a teoria e não saber desenvolvê-la na prática.

Para te ajudar nesse caminho, no conteúdo a seguir falaremos sobre 8 táticas que devem ser implementadas em sua loja de roupas masculinas com o intuito de melhorar os resultados, conquistar clientes e vender mais. Confira!

1. Aposte na postura e nos sinais corporais dos vendedores

Uma das piores sensações, como cliente, é chegar a uma loja e perceber que o vendedor está de braços cruzados, encostado na parede ou com uma expressão de aborrecido/insatisfeito. O primeiro contato é essencial para determinar se uma venda vai ser realizada ou não.

Os profissionais devem estar sempre “a postos”, mostrando disposição para atender, esclarecer dúvidas e resolver o problema do consumidor. Se uma pessoa não se sentir à vontade, certamente ela procurará outro estabelecimento para ser melhor atendida.

Dica: Por que motivar vendedores lhe trará excelentes resultados

2. Nunca subestime um cliente

Muitos vendedores deixam de abordar alguns indivíduos por eles não estarem “bem-vestidos”. A pessoa fica lá, olhando as peças ou os lançamentos e acaba tendo que tomar a iniciativa para comprar a roupa que lhe agradou.

Ou pior: simplesmente sai da loja assim como entrou, despercebida, resultando em perda de vendas e de um potencial cliente.

É preciso, portanto, realizar uma abordagem padrão, que seja receptiva e acolhedora. Nesse momento, o vendedor deve ser capaz de identificar quais são os objetivos do público — realizar uma compra ou apenas dar uma olhada — e, aí, implementar seu diferencial. Subestimar um potencial cliente pela forma como se está vestido é garantia de perda.

3. Seja flexível

É preciso se adaptar ao consumidor, entrando em seu universo para descobrir seus gostos e suas preferências. Ser flexível quer dizer que o vendedor deve modelar suas atitudes de acordo com a personalidade do potencial cliente.

Dessa forma, será mais fácil negociar e apresentar a pessoa às ofertas interessantes da loja, levando em consideração sua opinião, preferência e, claro, necessidade. É importante adotar diferentes posturas para determinados perfis.

4. Crie um vínculo com o público

Nesse momento, o vendedor terá a chance real de estabelecer um elo com aquele indivíduo. Muitos não prestam atenção no relacionamento com o cliente, se esforçando apenas para realizar aquela venda e pronto.

Clique no banner abaixo e receba gratuitamente nosso material para ajudar a sua loja a ter um atendimento invencível!

Atendimento invencível: faça clientes retornarem à sua loja e fidelize mais

Contudo, com a criação do vínculo, o profissional pode fechar negócios de maior qualidade e, ainda por cima, conquistar a fidelização daquele consumidor. No final, sua imagem perante o público será de credibilidade e confiança.

Assim, qualquer indicação recebida daquele vendedor será acatada como uma boa oferta justamente pelo laço estabelecido entre os dois.

5. Seja honesto

Nada pior do que ir a uma loja, comprar roupas, chegar em casa e ver que as peças não ficaram bem. Muitos vendedores acabam “mentindo” para seus clientes, seja para estimular a compra de um conjunto mais caro e uma blusa que acaba de ser lançada, ou para bater a meta.

Dica: 5 erros dos vendedores de lojas de roupas que espantam os clientes

Quando o consumidor se sente enganado, raramente volta a comprar naquela loja e (o que é pior!) acaba espalhando a má fama do negócio para futuros compradores.

Nesse exemplo, não ofereça peças apenas para vender. Apresente as opções de acordo com o gosto da pessoa e, no final da venda, tenha a certeza de que ela ficou plenamente satisfeita com os itens adquiridos.

Essa atitude trará benefícios não só para o vendedor, que provavelmente ganhará um cliente fiel, mas também para o estabelecimento, que aumentará seu faturamento.

6. Lembre-se de que “o cliente tem sempre razão”

Essa frase é muito conhecida no mercado, porém, na prática, é pouco vista. É importante sempre dar razão para o consumidor e evitar ao máximo discordar dele.

É preciso seguir o ritmo do futuro cliente e respeitar todos os seus movimentos, tentando colher o máximo de informações sobre suas preferências e necessidades.

Caso a pessoa não goste de uma peça, ofereça outra, mas nunca deprecie o produto em questão. Não é porque o público não gosta que o vendedor não deve gostar também. A dica é sempre dar a razão ao cliente, com o intuito de vender e, no final, deixá-lo satisfeito.

7. Saiba ouvir a palavra “não”

Muitos vendedores ficam desmotivados após ouvirem a palavra “não”. Nessa área, porém, é preciso ser resiliente e não perder a intenção de fechar uma venda.

Em negociações difíceis, muitas vezes o consumidor se mostra indeciso ou apresenta algumas objeções. E mesmo que ele, de fato, não vá fazer compra alguma, o profissional não pode perder a compostura.

Dica: As principais objeções de venda do público masculino e como rebatê-las

Em vez disso, deve-se plantar a semente no potencial cliente, alertando-o sobre uma nova coleção que está para chegar ou um tipo de desconto diferenciado para aquela compra em si.

8. Use a criatividade

Repetir sempre os mesmos modelos, técnicas e abordagens acabam deixando os vendedores ultrapassados em relação aos concorrentes. É possível (e altamente recomendável) usar e abusar da criatividade para desenvolver formas diferenciadas de chegar até o cliente.

A dica é inovar e envolver o público nas ofertas e nos benefícios de comprar em sua loja. Desenvolva abordagens ou campanhas criativas e treine seus vendedores para aplicarem em uma semana.

Após os resultados do teste, você verá se essa estratégia realmente vale a pena ou não. Lembre-se de que é importante sempre tentar abordagens diferentes, para continuar inovando e surpreendendo seus consumidores.

Implementando essas técnicas de venda, você pode aumentar o faturamento, fidelizar clientes antigos e conquistar novos compradores. No entanto, é muito importante que os vendedores, assim como o gerente, estejam capacitados e “por dentro” das práticas que mais trazem resultados.

Gostou das dicas de hoje? Então curta a nossa página no Facebook e continue por dentro de todas as novidades que compartilhamos!




Por
12/05/2017

A M.POLLO é a marca do Homem. A rigidez e atitude do homem moderno são expressas nas nossas peças. Por meio delas, levamos um pouco das tendências que realmente importam para você.


Assine nosso blog

Assine nosso blog